Google+ PNEUMATOFONIA - VOZ DOS ESPÍRITOS

segunda-feira, 17 de novembro de 2014

NADA RESTOU

by MARCELO CAVALCANTE
Prece de Cáritas: http://youtu.be/DcL1cx8AKGs


Você chegou ao fim da estrada
E só poeira acumulou.
As frustrações acumuladas,
Não lhe deixa ver o amor...

Nada restou...

Você entregou o coração
E esse alguém não lhe deu valor.
As frustrações acumuladas,
Não lhe deixa ver o amor...

Nada restou...


O LIVRO DOS MEUS DIAS

by MARCELO CAVALCANTE
Prece de Cáritas: http://youtu.be/DcL1cx8AKGs


Quando esfria o coração,
A solidão inquieta a paz,
Há ausência de calor,
A vida se desfaz,
O asfalto termina,
A Poeira que restou,
É o que restou de nós
E do nosso amor...

Tanto tempo já passou,
Mas não amenizou a dor,
Renascer todos os dias,
Sem saber pr'onde se vai,
Reconstruir projetos
Dos projéteis vilipendiador
É o Livro dos Meus Dias,
Tempestades de amor...

Você foi meu amor,
Minha vida, minha flor,
Você foi meu jardim,
Poesia feliz, feliz,
Poesia feliz, feliz...


TUDO PASSA

by MARCELO CAVALCANTE
Prece de Cáritas: http://youtu.be/DcL1cx8AKGs


Você não me olha no olhar...
Tudo passa, tudo passa,
Só o meu amor por ti que não...

Você ignora o meu amor...
Tudo passa, tudo passa,
Só o meu amor por ti que não...

Já não há sentido pra você...
Tudo passa, tudo passa,
Só o meu amor por ti que não...

Luz para o meu dia é você...
Tudo passa, tudo passa,
Só o meu amor por ti que não...

Sol de minha vida é você...
Tudo passa, tudo passa,
Só o meu amor por ti não passará...

terça-feira, 28 de outubro de 2014

PROMESSAS

by MARCELO CAVALCANTE
Prece de Cáritas: http://youtu.be/DcL1cx8AKGs


Quem sou eu?
O que sou Senhor?
De onde vim?
Para aonde irei?
Não, não sei dizer...

Basta-me, agora, viver!
Sem entender, 
Confiando em Tuas promessas...

Vem Senhor Jesus,
Pois creio em Tuas palavras.
Faça em minha vida o Teu querer...

Quem sou eu?
O que sou Senhor?
De onde vim?
Para aonde irei?
Tu, sabes melhor que eu...

Basta-me, agora, viver!
Sem entender, 
Confiando em Tuas promessas...

Vem Senhor Jesus,
Pois creio em Tuas palavras.
Faça em minha vida o Teu querer...


ENQUANTO EU EXISTIR

by MARCELO CAVALCANTE
Prece de Cáritas: http://youtu.be/DcL1cx8AKGs


Eu fui criado pra Te amar,
Em espírito e verdade Te adorar,
Minha alegria é te servir,
Minha recompensa é Tua cruz...

Senhor,
Eu louvarei Teu nome enquanto eu existir
E cantarei o dom da vida e a graça que é Te servir...

Minha canção de amor é o silêncio,
O Meu coração repousa em Ti,
As rosas exalam o Teu perfume,
O teu perfume, só quem ama pode sentir...

Senhor,
Eu louvarei Teu nome enquanto eu existir
E cantarei o dom da vida e a graça que é Te servir...



sexta-feira, 24 de outubro de 2014

ABSINTO

by MARCELO CAVALCANTE
Prece de Cáritas: http://youtu.be/DcL1cx8AKGs


Um diamante não reluz no lodo,
É como luz inútil no fundo de um poço
Tanto faz a vida, tanto faz a morte, moço.
A Verdade, às vezes, Parece-me engodo...

O precursor e o visionário
Sofrem as inadequações,
Porque soam fora do tempo.

São como um relicário
De rosas que polarizam,
Mas que se perdem ao vento...

Sou um precursor-visionário
No claustro do mundo,
Diamante reluzindo no lodo
De um poço profundo...

É assim que me sinto
E só no futuro compreenderão o meu absinto...

AOS MEUS FILHOS

by MARCELO CAVALCANTE
Prece de Cáritas: http://youtu.be/DcL1cx8AKGs


Júlia e Miguel acreditem sempre no melhor!
Em todas as escolhas,
Até nas equivocadas,
Sempre há uma lição...

Amem a vida e não permitam
Que nada lhes roube o brilho dos olhos!
Acreditem em si mesmos,
Mas sejam humildes.

Ponham o coração e o amor em tudo,
Mas não retenham nada nem ninguém,
Deixem as mãos e a alma livres...

Compreendam desde cedo a didática da vida,
Pois o tempo que fere,
É o mesmo que trará a cura...

Amem a Verdade, libertem-se do orgulho,
Lembrem-se sempre que a vida é transitória
E que a nossa Pátria é no infinito amor de Deus...

Mesmo no espaço velarei os vossos passos
E guardarei n'alma os vossos sorrisos... 

PENSAMENTOS

by MARCELO CAVALCANTE
Prece de Cáritas: http://youtu.be/DcL1cx8AKGs


"Eu pertenço às estrelas,
À Pátria Universal dos espíritos

E vejo neste mundo,
Apenas as imagens.
Por isso, Senhor,
Qu'eu mantenha os olhos e o coração
Fixos no teu Reino
E, não permita Senhor, 
Qu'eu me perca nos reflexos deste espelho"...


"O mundo da filosofia é introspectivo,
Está no mundo das ideias

Que me levarão à Sofia,
Mas às vezes, passo tanto tempo
Nesse mundo introspectivo,
Que negligencio as ações
Nas realidades do mundo.
Uma ideia necessita ser depreendida,
Antes que seja deliberada"...

sexta-feira, 19 de setembro de 2014

VEJO A LUZ

by MARCELO CAVALCANTE
Prece de Cáritas: http://youtu.be/DcL1cx8AKGs


Eu vou cantar uma canção pra relembrar
Que o amor é o despertar,
É o florescer, é o renascer,
É o reencontro do próprio ser,
É o libertar, é o reviver,
É o revelar da própria luz,
É colossal, é universal,
Estado pleno do viver, é o amor, o despertar...

Mesmo cego, vejo a luz!
No flagelo de tua cruz há beleza,
No amor, há o despertar!


segunda-feira, 8 de setembro de 2014

DEIXAR FLUIR

por MARCELO CAVALCANTE


Quem sabe faz,
Nem sempre diz.
Informação e poder.
Lançar sementes e deixar, faça resto,
A vida se incumbir ...

Deixar fluir ...
Deixar fluir ...

Bifurcações um tem vida
E somos livres pra escolher.
Cada equívoco e hum degrau
Na construção fazer próprio ser ...

Deixar fluir ...
Deixar fluir ...

Filosofias, religiões,
Sabedoria pra viver te levarão ate o amor,
Trarão hum novo amanhecer ...

Deixar fluir ...
Deixar fluir ...


PLANTE UMA FLOR

by MARCELO CAVALCANTE


Voa canção,
Leve as histórias de tudo qu'eu vivi.
Deixe o teu sol iluminar, leve o amor,
O despertar aos corações frustrados na dor...

Do meu canto escuro,
Vejo as estrelas.
Quem sabe um dia
Serei essa luz a brilhar no infinito?
Num encontro de amor, num despertar,
Livre enfim das frustrações, da dor...

Plante uma flor
Sempre que a dor lhe visitar...



sábado, 6 de setembro de 2014

NO FINAL DA ESTEIRA

by MARCELO CAVALCANTE


Eu, nunca quis da vida, facilidades.
Eu não nasci pra sofrer,
Mas pra ser feliz nas dificuldades.
Minha visão transpõe a dor.
O que me fere a matéria, evoluciona o ser.
As chagas em minh'alma são pontos de luz, de amor...

Jesus desfigurado
Deixou a Terra dilacerado
Numa cruz.
O dinheiro acumulado,
A fama e o sucesso conquistados
Não trazem a mesma luz...

É por isso que prefiro a poeira,
Porque é no final da esteira
Que se ergue a glória.
Sou feliz nos reveses da vida,
Não sou mais um'alma suicida
Reconfigurei minha história...