Google+ PNEUMATOFONIA

segunda-feira, 18 de maio de 2015

A SINGELA BELEZA DO AMOR


A Singela Beleza do AmorLetra & Música: Marcelo CavalcanteToda manhã, um beijo teu,Para com todo amor ao Sol...

O TEU SORRISO


O teu SorrisoLetra & Música: Marcelo CavalcanteNão há vida, sem o teu amor.Minha alma, alma geme em dor...Os meus...

domingo, 17 de maio de 2015

AUGUSTO DOS ANJOS


AUGUSTO DOS ANJOSMúsica: Marcelo CavalcanteLetra: “Psicologia de um Vencido” / “Alma” / “Voz do Infinito”PSICOLOGIA...

quinta-feira, 14 de maio de 2015

TARDE TE AMEI


Tarde te AmeiLetra & Música: Marcelo CavalcanteEu vi o amor chegar numa manhã,Sem perceber toda a transformaçãoQue...

terça-feira, 12 de maio de 2015

EU TENHO MEDO


Eu Tenho MedoLetra & Música: Marcelo CavalcanteEu tenho medoDas dores do amor.Sonhos perdidos,Duas almas feridas...

segunda-feira, 11 de maio de 2015

EU CAMINHO PRO SOL


Eu Caminho Pro SolLetra & Música: Marcelo CavalcanteQue o meu corpo o tempo leve,Mas pra sempre permaneçaAqui meu...

ADEUS


AdeusLetra & Música: Marcelo CavalcanteVocê se foi e nem se quer me disse adeus...Nossa história de amor chegou ao...

sábado, 9 de maio de 2015

A CADA MANHÃ


A Cada ManhãLetra & Música: Júlia Q. Cavalcante / Miguel Q. Cavalcante / Marcelo CavalcanteTodo o meu amor, Eu quero...

quinta-feira, 7 de maio de 2015

A MORTE AMO!


A Morte Amo!Letra & Música: Marcelo CavalcanteA morte amo!A morte amo!A morte amo!O teu beijo é libertador,O teu...

quarta-feira, 6 de maio de 2015

PROGRESSO MORAL


Progresso MoralLetra & Música: Marcelo CavalcanteA vida destrói pra depois reconstruir, O amor nos modela em tempos...

segunda-feira, 4 de maio de 2015

FÉRETRO

by MARCELO CAVALCANTE

Forma que protege,
Enquanto deforma.
O último golpe da vida é a morte,
Mas a última resposta é a eternidade.

Cristão ou herege,
A vontade é o que nos torna
Legado, nirvana, consorte,
A morte em si, é maternidade...

Féretro adornado em ouro,
Não extirpa a putrefação orgânica.
Ataúde lascivo, dissoluto do homem...

Esquife que corrompe o couto,
Tumba das gerações adâmicas,
Caixão onde gusanos-homens se consomem...

sábado, 2 de maio de 2015

O MELHOR LUGAR DO MUNDO


O Melhor Lugar do MundoLetra & Música: Marcelo CavalcanteEu deixei o amor morrer,Sem poesia e cor,O arco íris...

DELAÇÃO PREMIADA


Delação PremiadaLetra & Música: Marcelo CavalcanteQuero ver a justiça de cartilha nas mãos,Praticar o que prega,Dar...

quinta-feira, 30 de abril de 2015

FONTE DE VIDA


Fonte de VidaLetra & Música: Marcelo CavalcanteVejo tantos jovens mergulhados em solidão,Vivem num mundo próprio sem...

quarta-feira, 29 de abril de 2015

TEMPESTADES DE AREIA

by MARCELO CAVALCANTE

O silêncio responde a todos os gritos;
A serenidade norteia os conflitos;
A pacificação é autoconsciência;
O bem ilumina o dia;
A culpa é uma reflexão tardia;
A paz são palavras e ações em coerência.

Muitos dizem que são, não sendo;
Vive melhor, o ser consciente de que está morrendo;
Ignore a dor, mas não a lição.
O silêncio revela disciplina;
O grito é alienação emotiva;
A morte é libertação.

Entre rochas e tempestades de areia;
A alma inconsciente vagueia;
A intuição lhe guia os passos.
A ignorância é da alma, o zigoto;
O conhecimento de si é o porto;
Nada se perde no espaço.

A palavra sem ação é morta;
A ação sem reflexão é torta;
A justiça não delega aos outros os teus espinhos.
Nasceste só, morrerás só;
Do limbo ao lume das estrelas, és pó;
Caminharás em paz, porém, sozinho.

terça-feira, 28 de abril de 2015

TODO POLÍTICO CORRUPTO É UM ASSASSINO!


Todo Político Corrupto é um Assassino!Letra & Música: Marcelo CavalcanteCada vez que vejo uma criança vendendo balas...

segunda-feira, 27 de abril de 2015

EU SOU FELIZ


Eu Sou FelizLetra & Música: Marcelo Cavalcante#Pneumatofonia#bymarcelocavalcanteFanpage:...

HIROSHIMA


HiroshimaLetra & Música: Marcelo CavalcanteQuanta solidão aqui...Eu estou tão perdido,Se olhar nos meus olhos, ver...

DISCOS NA VITROLA


Discos na VitrolaLetra & Música: Marcelo CavalcanteVem pra mim e deixa acontecerO amor que não feriu,Não deve ter...

quinta-feira, 23 de abril de 2015

ABORTO


AbortoLetra & Música: Marcelo Cavalcante A lei da gravidade nos empurra para baixo,As leis da humanidade, massacram...

terça-feira, 21 de abril de 2015

MINHA IMPERFEIÇÃO


Minha ImperfeiçãoLetra & Música: Marcelo CavalcanteEu parti sozinho,Sem saber pra onde ir.Por caminhos...

A CARTILHA


A CartilhaLetra & Música: Marcelo CavalcanteVocê veio até aquiE a cartilha ensinou,Mas quem pode me cobrar,Se a...

ANJO


AnjoLetra & Música: Marcelo CavalcanteQuando te encontrei,Senti que a vida podia brilharNa luz do teu...

ESCOLHAS


EscolhasLetra & Música: Marcelo CavalcanteVocê me disse essa noiteQue sua vida não tem valor,Que os seus sonhos se...

DESERTO DO SABER


Deserto do SaberLetra & Música: Marcelo CavalcanteAlém da dor, há o amor;Além da noite, existe luz;Além do frio, o...

DESPERTAR


DespertarLetra & Música: Marcelo CavalcanteEu vou cultivar o amor, Renascer da dor,Ser feliz...Caminhar no...

segunda-feira, 20 de abril de 2015

UM DIA DE CADA VEZ


parte ILindo é o azul celeste,Lindo é o azul do mar,Lindo é Quem fez tudo isso,Só por nos amar...As flores e o...

SEM VALORES


Sem ValoresLetra & Música: Marcelo CavalcanteE agora o que fazerPra sufocar no peito o amor?A felicidade é um dia...

ONDE VOCÊ FOI?


Onde Você Foi?Letra & Música: Marcelo CavalcantePassa o tempo...Nossa história de amor,Um momento que aos poucos...

domingo, 19 de abril de 2015

SEJA FELIZ


Seja FelizLetra & Música: Marcelo CavalcanteQuando a vidaNão permite ao aprendiz,Ser feliz...Escolha o...

O LIVRO DOS MEUS DIAS


O Livro Dos Meus DiasLetra & Música: Marcelo CavalcanteQuando esfria o coração,A solidão inquieta a paz,Há ausência...

sábado, 18 de abril de 2015

INUNDA A MINHA DOR


Inunda a Minha DorLetra & Música: Marcelo CavalcanteNasci pra resolver os meus dilemas, Não há facilidades nesse...

O QUE NÃO SERVE MAIS

O Que Não Serve MaisLetra & Música: Marcelo CavalcanteVeja a beleza que a vida ensina!O labor é duro, há dores na...
Posted by Marcelo Cavalcante on Sábado, 18 de abril de 2015

O ÚLTIMO BEIJO


O Último BeijoLetra & Música: Marcelo CavalcanteTodo o meu amorEu lhe entreguei pra ser feliz.O que restou de nó...

POR FAVOR ME DEIXE EM PAZ

by MARCELO CAVALCANTE

Eu te conheço mais,
Mas você não conhece a mim.
Porque do meu silêncio,
Eu te observo...

Você fala, fala, fala e não percebe
Que a tua falta de silêncio me irrita...
Por favor me deixe em paz.



quinta-feira, 16 de abril de 2015

TODAS AS MANHÃS

by MARCELO CAVALCANTE

A vida desperta
Pruma nova aurora
Amor, amor ao bem, à luz...

Um passo a frente
Não pare no meio da esquina
Amor, amor ao bem, à luz...

Vejo as flores germinarem no jardim,
A esperança que renasce todas as manhãs,
Eu tenho o teu amor...

segunda-feira, 13 de abril de 2015

ALEGRIA DE VIVER

by MARCELO CAVALCANTE

A alegria de viver está na alma,
No amor que semeou.
Não há palavras de adeus pra quem sofreu,
Viveu no bem e se resignou...

A folha velha dá lugar
À folha nova que virá
E quando o Sol nos despertar,
O beija-flor nos beijará...

A folha seca vira adubo,
Pra semente reviver.
É o ciclo infinito,
O despertar do próprio ser...


quarta-feira, 8 de abril de 2015

terça-feira, 7 de abril de 2015

CABOCLO

by MARCELO CAVALCANTE

Volta pra roda Caboclo,
Sente o vento soprar...

Guerreiro a vida inteira.
De navalha, a fio...

Roda de capoeira,
Corpo fechado, sofre calado,
Imaculado, resignado,
Sente calafrios...

Volta pra roda Caboclo,
Sente o vento soprar...
Sangue na terra...
História de um povo...

Gente que veio de longe,
Que não se esconde,
Suinga sem medo,
Pra manter acesa a cultura de lá...


segunda-feira, 6 de abril de 2015

A TEMPESTADE FOI EMBORA

by MARCELO CAVALCANTE

Numa estrada de poeiras,
Entre as pedras da ilusão.
Toda alma é verdadeira
Ao falar dos seus amores...

Esperar, sem merecer.
Sem trabalho, não há luz.
Mesmo que venha a sofrer,
Há felicidade em meio ao pus...

O sorriso do amor,
Vale mais que o dissabor.
A tempestade foi embora...

quarta-feira, 1 de abril de 2015

CANTO PARA MINHA MORTE

by MARCELO CAVALCANTE

Cante o amor quando eu partir,
Plante uma flor, se saudades sentir...

O último brilho em meu olhar;
O último abraço, sem palavras e adeus;
O último dia que o Sol brilhou no horizonte;
Iluminou-me e o teu sorriso foi meu último adeus...

O amor é o que mais cultivei...

Quando eu chegar ao fim da estrada,
Contemplarei as flores que semeei.
Também as cizânias e as ervas amargar,
Mas, só germinarão, as que mais cultivei...

O amor é o que mais cultivei...